O som latino e melancólico de Adanowsky

Adanowsky , Adan Jodorowsky , Devendra Banhart , Alex Aristei , nowness

Quem acompanha o blog sabe que quando o assunto é música, o que  me falta é disciplina. Com sorte, tropeço em algo maravilhoso de vez em quando, Adanowsky é um desses tropeços.

Filho de uma mexicana casada com um renomado diretor de cinema chileno, Adanowsky nasceu em 1979 na França e possui algumas histórias bem legais para contar. Quando tinha 7 anos, por exemplo, dançou com James Brown nos bastidores de um show. Já a primeira vez que tocou guitarra teve como tutor nada menos que George Harrison, outro bom amigo de seu pai.

Devido a esse berço artístico esteve envolvido com música desde sempre, e em 2006, lançou seu primeiro álbum solo, “Étoile Éternelle”. Um tempo depois viaja à América do Sul, onde é definitivamente influenciado pela música latina, presente majoritariamente em seus dois discos seguintes, “El Ídolo” e “Amador”.

Com letras emocionadas, as músicas de Adanosky misturam cabaret decadente, bolero e folk rock para criar um som poderoso e melancólico. Destaque para a música “Dime Cuándo”, criada com a companhia de Devendra Banhart. A seguir.

Aqui neste link tem um show+entrevista dele que vale a pena o conhecimento.

2 respostas em “O som latino e melancólico de Adanowsky

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s