Fotografias de estúdio mostram o estilo de vida sul-africano nos anos 60 e 70

bobson.016bobson.001

Entrar em um estúdio e pedir para ter seu retrato tirado por um profissional de fotografia foi um costume muito mais popular até meados da década passada, antes de a tecnologia digital baratear consideravelmente e tornar processos fotográficos lentos mais práticos e eficientes. As fotografias a seguir são de pessoas que entraram com vaidosas intenções no estúdio de Sukdeo Bobson Mohanlall na África do Sul durante a década de 60 e 70.

Um dos mais badalados em seu tempo, Bobson teve pessoas do país inteiro visitando seu estúdio para ter seus retratos registrados para sempre em filme e  em memória. Quando recuperadas e organizadas, temos em nossa frente uma narrativa histórica sobre o estilo de vida de sua principal clientela: o povo Zulu, uma nação guerreira que resistiu às invasões britânicas e holandesas no século anterior e manteve-se, na medida do possível, culturalmente íntegra durante diversos períodos históricos do país.

bobson.004 bobson.011 bobson.012 bobson.013 bobson.009 bobson.007 bobson.002 bobson.014 bobson.015 bobson.003 bobson.006

O acervo do Bobson Studio está espalhado por diversas coleções pessoais e públicas ao redor do mundo, incluindo o Metropolitan Museum of Art em Nova York e o The Newark Museum, em New Jersey.

Uma resposta em “Fotografias de estúdio mostram o estilo de vida sul-africano nos anos 60 e 70

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s